Como lidar com tanta informação?

Hoje em dia, praticamente qualquer dispositivo eletrônico é capaz de monitorar atividades diversas e entregar uma quantidade absurda de informações. Mas quando um gestor precisa tomar decisões rápidas, ele precisa ter essas informações ao seu dispor de maneira organizada e fácil de entender. Dependendo da atividade que está sendo monitorada, não ter uma visão clara das informações que foram coletadas pode levar a decisões, no mínimo, equivocadas. Estamos falando de qualquer tipo de monitoramento: desde a entrada e saída de pessoas numa portaria até mesmo informações complexas como o gerenciamento de viaturas de socorro em grandes centros urbanos.

A apresentação destas informações de maneira clara, descomplicada e eficiente é o que o programa S4C é capaz de realizar. Desenvolvido pela empresa Comtex, o S4C funciona em camadas que permitem o monitoramento de diversos tipos de atividades. Por exemplo, é possível acompanhar o trajeto feito pelas linhas de ônibus ao mesmo tempo em que se acompanham ambulâncias do corpo de Bombeiros. A visualização dos dados em tempo real é feita  por meio de mapas, gráficos e tabelas possibilitando aos tomadores de decisão saber exatamente o que está acontecendo e agir. Por exemplo, é possível enviar uma viatura para um incidente ou liberar semáforos para a passagem das viaturas nos cruzamentos.

Embora seja um software robusto, o S4C é de simples operação e tem total integração com sistemas operacionais como Windows, Linux e MacOS. Ele possibilita, até mesmo, a conectividade com dispositivos móveis o que, nos dias de hoje, é indispensável. Segundo o diretor executivo da Comtex, Alexandre Amaral de Moura, “a capacidade de ser multiplataforma é que torna o S4C tão versátil”.

Para o empresário, desenvolver um programa que integra vários sistemas de monitoramento e que seja capaz de apresentar os dados de forma concisa, clara e interativa é a grande qualidade do S4C. “Sem dúvida, este programa pode ser usado em várias atividades”, garante Alexandre Moura. E afirma, “as possibilidades de aplicação do S4C são infinitas”.

Author: Silvio Sa

Share This Post On

Submit a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *